16 de julho de 2012


Tudo o que dorme é criança de novo. 

(Pessoa)

6 comentários:

Maria Borges disse...

Que lindo! Tá tão lindo teu blog, as fotos do instagram e aqueles teus tabalhos estão um encantooo!! Quero um pra mim ;) Saudades e espero que esteja DIVINO o passeio de vocês em Buenos Aires! Beijos muitos

Sheila S.S. disse...

Mary, querida: Obrigada pelas tuas palavras sempre carinhosas e entusiasmadas. Penso que o blog é um lugar tão íntimo nosso, e talvez por isso seja tão interessante e gostoso dividí-lo com quem se ache um pouco nos nossos escritos, trabalhos, o que for... Quanto a Buenos Aires, posso dizer que é inebriante. Aqui podemos voltar ao passado e viver muitas sensações inexplicáveis. Já estou a me despedir de tudo por aqui... Un beso, chica! ;)

Lidiane Dutra disse...

Como está lindo o teu espaço! É pura poesia. Concordo com a Maria: teus trabalhos estão encantadores.
Continue voando!

Abraços!! :)

Gugu Keller disse...

Só se torna adulto quem entende e assume que sempre será uma criança.
GK

Sheila S.S. disse...

Obrigada pelo carinho, Lidiane Dutra! Um beijão

Sheila S.S. disse...

Sempre bem-vindo ao meu blog, Gugu Keller.